Literatura Africana de Expressão Portuguesa – Eugénio Tavares – Força de Crecheu

Ca tem nada na es bida
Más grande que amor.
Se Deus ca tem medida,
Amor inda é maior…
Amor inda é maior,
Maior que mar, que ceu:
Mas, entre otos crecheu,
De meu inda é maior.

Crecheu más sabe,
É quel que é de meu.
El é que é chabe
Que abrim nha ceu…
Crecheu mas sabe
É quel
Que q´rem…
Se ja´n perdel,
Morte ja bem…

Eugénio Tavares
“Nhô Eugénio” (Ilha da Brava, Cabo Verde, 5/11/1867 – 1/6/1930)

Poeta, ficçionista, ensaísta, jornalista.

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: