Jorge Amado – Gabriela, Cravo e Canela

Jorge Amado by lusografias

“Com “Gabriela” eu procurei mostrar, através de uma história de amor, a transformação da sociedade: as leis de ordem feudal, por influência do movimento económico, dos acontecimentos sociais, da evolução da mentalidade dos homens, caducam e um novo relacionamento social se faz sentir.

Foi um livro muito feliz por ser uma história de amor, de forma que o povo gosta.

Era uma coisa que eu queria há muito escrever.”

In JL  s/ data (1986?)

Jorge Amado (Itabuna, 10/8/1912 – Salvador, 6/8/2001)
Romancista, poeta, dramaturgo, cronista, jornalista.
Distinguido com o Prémio Camões em 1994.

Advertisements

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: