Miguel Torga – “Eleições Sérias”

Miguel Torga

“Coimbra, 25 de Abril de 1975 – Eleições a sérias, finalmente.

E foi nestes cinquenta anos de exílio na pátria a maior consolação cívica que tive.

Era comovedor ver a convicção, a compostura, o aprumo, a dignidade assumida pela multidão de eleitores a caminhar para as urnas, cada qual compenetrado de ser portador de uma riqueza preciosa e vulnerável: o seu voto, a sua opinião, a sua determinação. Parecia um povo transfigurado (…).

Assim os nossos corifeus saibam tirar do facto as devidas conclusões. Mas duvido.

Nunca aqui os dirigentes respeitaram a vontade popular, mesmo quando aparentam promovê-la.

No fundo, não querem governar uma sociedade de homens livres, mas uma sociedade de cúmplices que não desminta a degradação deles.”

 

TORGA, Miguel, Diário (Volumes IX a XII)

 

Miguel Torga (São Martinho de Anta, Vila Real, 12/8/1907 – Coimbra, 17/1/1995)
Pseudónimo de Adolfo Correia Rocha.
Contista, poeta, romancista, ensaísta, dramaturgo, um dos mais importantes escritores portugueses do século XX,  galardoado com Prémio Camões em 1989, médico.

 

Advertisements

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: