Bernardo Santareno – A Amizade

Bernardo Santareno

“(…) Eram ambos nazarenos.

O Cristovão vinha doente (…). O outro, tímido, ansioso, ajudava o amigo (…)

Sempre juntos, eram terríveis de energia, de fúria… quase ferozes!

Sempre juntos: o que um deles começava, o outro acabava.

Que maravilhosa amizade, a daqueles dois! Pureza, virilidade perfeita, graça, sobressalto de mãe ou de amante… tudo isto os ligava.

Trabalhavam, divertiam-se, comiam e descansavam numa atmosfera de princípio de mundo, envoltos numa luz virgem, substancial e viva!… (…)”

SANTARENO, Bernardo, Nos Mares do Fim do Mundo

Bernardo Santareno (Santarém, 19/11/1920 – Lisboa, 19/8/1980)
Pseudónimo de António Martinho do Rosário
Dramaturgo, considerado o maior no panorama literário português do século XX, poeta, licenciado em Medicina Psiquiátrica.

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: