António Sérgio – O Livro e a Crítica

António Sérgio

“Livro que não é lido, não é livro que exista; e as obras máximas, se são sempre lidas – e se chegam ao apreço do grande público -, é porque a crítica as conseguiu impor.”

 

António Sérgio (Damão, 3/971883 – Lisboa, 24/1/1969)
Intelectual e pensador.

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: