Sérgio Godinho – Compor em Língua Portuguesa

Sérgio Godinho

“(…) Comecei a compor e a perceber como é que uma canção se arquitecta, quais são as suas dinâmicas na prática. É experimentando que elas se vão definindo em nós. (…)

Além do peso do Zeca, não me conseguia libertar da herança de certos poetas portugueses. Tudo o que fazia soava a qualquer coisa que já existia, que era uma canção à maneira de…

Escrever em francês facilitava-me, a princípio, a tarefa. Só que de repente se começou a tornar óbvio que os objectos e os conceitos tinham um nome, e esse nome uma ressonância na minha memória…

Em português as frases começavam a ganhar uma música muito própria dentro de mim. A partir da foi incrível, porque algumas canções que já estavam escritas em francês passaram a ter a sua letra definitiva em português, como é o caso da “Paula” e d´”A Linda Joana”. E outras, de repente, começaram a brotar e uma maneira muito natural e a língua que, paradoxalmente, me parecia estranha, tornou-se outra vez, e finalmente, a minha. O seu a seu dono…”

In JL, 10 – 23 Maio 2006

Sérgio Godinho (Porto, 31/8/1945)
Poeta, compositor e intérprete.

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: