Ferreira Gullar – A Ligação a Portugal

Ferreira Gullar

 

” (…) “Sete Poemas Portugueses” foram escritos tinha eu 20 anos, são os primeiros do livro Luta Corporal.

Dei-lhes esse título porque os escrevi sob a influência da poesia portuguesa que tinha acabado de descobrir pela leitura da Antologia de Poesia  Portuguesa feita pela Cecília Meireles.

Foram uma verdadeira revelação para mim os modernos poetas portugueses que eu, na altura, desconhecia, com exceção de alguns poemas de Fernando Pessoa, Vitorino Nemésio, Miguel Torga e Sá de Carneiro.

(…)

Os meus avós paternos eram portugueses, de Trás-os-Montes, seus três primeiros filhos nasceram  lá – meu pai foi fecundado lá.

Sinto-me muito ligado a Portugal pela história, pela cultura, pela poesia, até pela comida – adoro bacalhau, dobrada, etc. Assim, a minha costela portuguesa é muito forte. Aliás, no nosso país a componente portuguesa é a mais importante, ainda mais do que a índia ou a negra, embora estas também sejam importantes.”

In JL, 20/10/1991

 

Ferreira Gullar (S. Luiz, Maranhão, 10/9/1930 – Rio de Janeiro, 04/12/2016)
Pseudónimo de José Ribamar Ferreira
Poeta, crítico de arte, ensaísta, memorialista, biólogo.
Galardoado com o Prémio Camões em 2010.

Anúncios

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: