Ana Marques Gastão – Intuições d´ Uva

Das uvas o cacho, os braços,
do vinho os rios, ínfimos caudais;
do livro, a citação; do amor
a renúncia ou quase nada querer;
da pele o xisto, do corpo o mel
em texto de boca, do lápis
a rosa-louca, imóvel de se mover
em ponto fixo, pois quando
nasce, único, o fruto, deixa a flor
de ser perplexa em seus espinhos.

Ana Marques Gastão (Lisboa, 1962)
Poetisa, crítica literária, colaboradora de diversas pubçicações, licenciada em Direito .

Anúncios

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: