Ana Mafalda Leite – Cordões Pequenos de Estranha Luz

 

em memória de ti, querida Helena

 

encontrou-a nessa noite desfigurada acesa numa fotografia

antiga

tinha esse sorriso esse modo ternurento e malicioso dentro dos

seus olhos

agarrando-se às pálpebras o peso das pestanas crescendo

crescendo como laços ou fitas transparentes cordões

pequeninos de estranha luz

 

tão próxima estava assim voltada

para o outro rosto de si para perto da espuma e do sal

no silêncio da agua morna e das aves côncavas

 

estranho pressentimento naquela noite as fotografias ardendo

pássaros subindo no fumo fonte atenuada da memória

desfazendo-se pelo espaço

 

Ana Mafalda Leite (Lisboa, 23/08/56)
Poetisa luso-moçambicana, ensaísta, tradutora, investigadora de Literaturas Africanas de Língua Portuguesa, professora catedrática – brilhante, posso afirmar!

Anúncios

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: