Raul Brandão – O Passado, o Presente e o Futuro

 

” A vida antiga tinha raízes, talvez  a vida futura as venha a ter.

A nossa época é horrível porque já não cremos – e não cremos ainda.

O passado desapareceu, de futuro nem alicerces existem.

E aqui estamos nós sem teto, entre ruínas à espera…” (Setembro de 1910).

 

BRANDÃO,  Raul, Memórias, “Prefácio”, Vol. I, 1919

 

Raul Brandão (Foz do Ouro, 12/3/1867 – Lisboa, 5/12/1930)
Escritor, jornalista e militar.

Anúncios

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: