Alfredo Guisado – “Os Meus Olhos São Índias…”

 

Os meus olhos são Índias de segredos.

É Portugal seu Corpo esguio e brando.

E as cinco quinas, seus compridos dedos

Em suas mãos, bandeiras tremulando.

Seus gestos lembram lanças. E ela passa…

Seu perfil de princesa faz lembrar

Batalhas que travaram ao luar,

Epopeia-marfim da minha Raça.

O seu olhar é tão doente e triste

Que me parece bem que não existe

Maior mistério do que o de prendê-lo.

Nos meus sentidos vive o seu sentir

E, às vezes, quando chora, põe-se a ouvir

Seu coração, velhinho do Restelo.

 

Alfredo Pedro Guisado (Lisboa, 30/10/1891 – Lisboa, 02/12/1975)
Poeta, colaborador da revista Orpheu, jornalista, deputado, político, licenciado em Direito.

Anúncios

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: