João de Araújo Correia – A Pronúncia da Língua Portuguesa

“Com locutores e actores é preciso cuidado…

Cada um fala como quer, e, se diz asneiras, ninguém lhe vai à mão.

Têm carta branca para destruir a pronúncia como lhes der jeito.(…), que ninguém lhe bate.

Protege-lhe as costas a rica Irmandade da Complacência Nacional.

Rádio e teatro deveriam ser escolas de pronúncia da língua portuguesa. Pois, não são… ”

 

João de Araújo Correia (Canelas do Douro, Peso da Régua, 1/1/1899 – Peso da Régua, 3/12/1985)
Contista, novelista, colaborador de jornais e revistas, linguista, médico e professor.

Anúncios

There are no comments on this post.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: